Primeira Página Jornal Sociedade "Noite das Criaturas das Trevas" apresenta animais noturnos
 

Ter

14

Nov

"Noite das Criaturas das Trevas" apresenta animais noturnos
Sociedade
Escrito por Paulo Jorge F. Marques   
"Noite das Criaturas das Trevas" apresenta animais noturnos
Aproveitando a época do ano dedicada ao Dia das Bruxas (ou Halloween, comemorado nos países de língua anglo-saxónica), o Centro Ciência Viva da Floresta promoveu a "Noite das Criaturas das Trevas", no dia 4 de novembro à noite, com o objetivo de apresentar animais noturnos que são popularmente associados a esta festa. Com a presença de investigadores especialistas de diferentes grupos de fauna (anfíbios, morcegos, rapinas noturnas, borboletas noturnas, aracnídeos, entre outros), os participantes percorreram a floresta do Centro à procura destas criaturas.
Eva Monteiro, da Associação Tagis - Centro de Conservação das Borboletas de Portugal, apresentou as borboletas noturnas junto a uma armadilha luminosa que foi instalada para atrair alguns exemplares. "A nossa máxima é que para conservar é preciso gostar das coisas e para gostar das coisas é preciso conhecê-las. Todas as atividades que permitam que o público tenha contacto com os bichos, vê-los, saber como é a sua vida e qual é o seu papel no ecossistema são boas para ganhar esse amor à criatura e depois poder também conservá-la", referiu a investigadora. Na sua perspetiva, o Dia das Bruxas é apenas mais um pretexto para falar sobre as criaturas que aparecem à noite e, apesar de haver muitas que ainda não foram estudadas, não existem exemplares assustadores. "Há realmente uma certa repulsa inicial das pessoas para com os insetos e as aranhas, mas lá está, depois de conhecerem e até de tocarem - é possível tocar em insetos, a maior parte deles são inofensivos - depois disso perde-se essa barreira inicial", afirmou Eva Monteiro.
Participaram nesta Noite das Criaturas das Trevas os investigadores Maria João Silva (morcegos), Albano Soares, Eva Monteiro e Eduardo Sequeira (invertebrados) e Rui Mendes (astronomia) que ajudaram a desmistificar os mitos, superstições e crenças associadas ao Dia das Bruxas que têm contribuído para estados desfavoráveis de conservação em que muitas destas espécies se encontram.
 
Tem de se autenticar (ou registar-se, se ainda não possui uma conta) para poder adicionar comentários a este artigo.

| Mais
Faixa publicitária