Primeira Página Jornal Cultura Nilton com «conversa de amigos» em Proença-a-Nova
 

13

Mai

Nilton com «conversa de amigos» em Proença-a-Nova
Cultura
Escrito por Paulo Jorge F. Marques   
Nilton com «conversa de amigos» em Proença-a-Nova
Com a família na plateia, Nilton apresentou o espetáculo "Tem horas Certas?" nos Paços do Concelho neste sábado, 29 de abril, com 300 pessoas a aplaudirem o humorista que mantém ligações familiares e afetivas com Proença-a-Nova. A sala que acolheu o espetáculo foi o ginásio na antiga Escola Preparatória e Secundária que funcionou até início dos anos 2000 no edifício que agora acolhe as instalações da Câmara Municipal de Proença-a-Nova. Em entrevista à Rádio Condestável, Nilton falou de uma certa nostalgia: "Há aqui dois lados: um lado Nilton estudante a fazer as aulas de ginástica aqui no ginásio e o lado Nilton a ver as récitas de finalistas que se faziam aqui na altura e nunca imaginaria que, não sei quantos anos depois, viesse a estar no palco com a sala cheia. É brutal. Foi muito agradável voltar aqui".
Ao longo de mais de hora e meia, Nilton interagiu com o público, incorporou a personagem Alcides, ouviram-se telefonemas inéditos e muito improviso. "Na verdade, mais do que um espetáculo, isto acabou por ser uma conversa de amigos, de partilha de ideias, de coisas que eu vivi aqui. Fui improvisando, muitas coisas não fazem parte do espetáculo, fui falando até do que sentia numa lógica de partilha", referiu Nilton. Esta já não é a primeira vez que o humorista realiza espetáculos na vila onde viveu desde que regressou de Angola, ainda criança, até ter saído com 17 anos. "O reconhecimento nacional que o Nilton granjeou é motivo de orgulho para todos os proencenses, personificando ele o sucesso alcançado pelo trabalho, com a vantagem de ser pela alegria e pela gargalhada que nos contagia a todos", refere João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova. "É também dever do poder público promover todas as formas de arte e dar ênfase aos nossos".
 
Tem de se autenticar (ou registar-se, se ainda não possui uma conta) para poder adicionar comentários a este artigo.

| Mais
Faixa publicitária