Primeira Página Jornal Política SECÇÃO CONCELHIA DO PARTIDO SOCIALISTA DE PROENÇA-A-NOVA
 

Sex

03

Mar

SECÇÃO CONCELHIA DO PARTIDO SOCIALISTA DE PROENÇA-A-NOVA
Escrito por Paulo Jorge F. Marques   

SECÇÃO CONCELHIA DO PARTIDO SOCIALISTA DE PROENÇA-A-NOVA

 

COMUNICADO

O secretariado da secção concelhia do Partido Socialista de Proença-a-Nova vem por este meio e em resposta aos dois últimos comunicados da concelhia do PSD de Proença-a-Nova referir o seguinte:

Em democracia a diferença de opiniões e de pontos de vista sobre os assuntos políticos e públicos é um direito e uma garantia da pluralidade sobre o unanimismo autocrático, no entanto as regras e a ética da disputa política não podem, nem devem ser ultrapassadas, pois comprometem a qualidade da democracia e por vezes os direitos, liberdades e garantias daqueles a quem as criticas e os ataques são dirigidos.

Não ficámos surpreendidos com os vários comunicados da concelhia do PSD de Proença-a-Nova de ataque ao actual executivo camarário de Proença-a-Nova liderado pelo Eng.º João Lobo, mas muito em particular os dois últimos publicados em jornais locais e regionais. O primeiro de ataque recorrendo a mentiras e calúnias o segundo da responsabilidade de parte dos membros da actual comissão política demarcando-se do anterior comunicado.

Isto só revela o desnorte a confusão e a irresponsabilidade de quem se deveria pautar por uma conduta digna dos obrigatórios padrões de ética democrática e ao invés recorre aos conhecidos métodos da baixa política, de ataque pessoal, difamação, meias verdades e demagogia para confundir e denegrir encobrindo desta forma a falta de ideias e a incompetência na condução de uma verdadeira estratégia para o nosso concelho.

Por esse facto repudiamos todos esses ataques e lamentamos que dirigentes políticos inférteis de boas ideias e projectos para Proença-a-Nova se comportem de forma tão sinuosa na vida pública.

 

 

 

O secretariado da Concelhia do Partido Socialista de Proença-a-Nova


Proença-a-Nova 25 de Fevereiro de 2017

 
Tem de se autenticar (ou registar-se, se ainda não possui uma conta) para poder adicionar comentários a este artigo.

| Mais